18 de janeiro de 2017


Resenha: Uma vez você, uma vez eu

23


Olá, queridos leitores!
Há algumas semanas, postei sobre uma parceria com o autor Diego Martello.
E hoje, venho trazer a resenha do seu primeiro livro: Uma vez você, uma vez eu .
E estava pensando em abrir um book tour para uns 5 blogs que ainda não conhecem.
Para quem quiser participar, basta deixar o e-mail, que entrarei em contato.
Vamos a resenha.

Resenha:

A estória gira em torno de Willian, um consultor, diria que de empresas, que está passando por dificuldades em seu relacionamento com o pai Marcos, e com sua esposa Eva, que esta tentando engravidar e não consegue.
A meu ver, posso dizer que no início, e até certa parte do livro, Willian tem depressão. Tudo devido ao seu relacionamento conturbado com o pai, a pressão da gravidez de Eva que só termina em frustração, e por Willian não estar satisfeito com nada.
Depois de um acidente em que Marcos machuca a perna, e com a "insistência" de Eva, Willian se vê obrigado a ir visita-lo.
Durante essa visita, Willian faz uma descoberta que irá mudar seu relacionamento com o pai daquele dia em diante.

"Não aceite nada feito, mesmo que seja de seus próprios olhos."

Sobre esse livro, o que tenho a dizer, é que de certa forma, foi um "choque". Me senti como se tivessem me perguntando o tempo todo: " você sabe o que está fazendo da sua vida?" ,"você está sabendo aproveitar o seu tempo?"
Não é um livro que pretende te dar conselhos de como passar por momentos difíceis ou conselhos.
É somente uma visão de que as vezes, as resoluções de nossos problemas dependem de como enxergamos a realidade ao nosso redor.

"Enfrentar um problema com o pré - conceito de que ele será fácil, ou pequeno, é melhor do que com o de que ele será difícil, ou gigante."

23 comentários:

F disse... [Responder comentário]

Olá
Eu nao conhecia esse titulo, mas preciso confessar que essa premissa não chamou a minha atenção. Os elementos não conseguiram me deixar curiosa. Gostei de ler suas impressões a respeito, e o que mais se destacou para mim foi o fato de haver esse tipo de visão no texto.
Beijos, Fer
www.segredosemlivros.com

Dayhara Martins disse... [Responder comentário]

Não conhecia o autor mas o título me chamou bastante a atenção e me fez ficar pensativa um bom tempo. Livros que nos fazem refletir sobre os caminhos que estamos trilhando são sempre magnificos.

Nay Sartor disse... [Responder comentário]

Oie! Tudo bem!? Fechei parceria com esse autor, e estou louca para realizar a leitura dele e depois de ler sua resenha fiquei mais ansiosa ainda! Espero gostar da leitura como você!
Bjss

Entre Livros e Amores disse... [Responder comentário]

Olá ♥
Bom não conhecia a obra, mas não fiquei interessada na premissa do livro. Por mais que você citou que o livro te fez repensar algumas coisas, ainda não encheu meus olhos. A capa também não chamou minha atenção.Mesmo assim fico feliz que a leitura foi gratificante para você, talvez realmente não seja o momento certo para eu ler esse livro, mas quem sabe um dia dou uma oportunidade. Beijos

Marcia Lopes disse... [Responder comentário]

Olá!
Eu gostei da premissa do livro, eu gosto de histórias que abordam relacionamentos familiares principalmente entre pais e filhos (independente do sexo rs) É que muitas vezes na nossa imaturidade enxergamos as coisas de um modo e só mais tarde as vezes que nos damos conta que era diferente. Eu gostaria muito de ler principalmente pq vc diz que te chocou. Só não posso participar do book tour no momento.
Bjs

Dryh Meira disse... [Responder comentário]

Oiee ^^
Eu também não conhecia o livro, e até que fiquei um pouco curiosa para saber o que fez a relação do Willian com o pai mudar, mas a premissa não me fisgou completamente, então eu não sei se o leria. Pelo menos não agora. Quem sabe mais para a frente :) ainda assim, fico feliz em saber que gostou :)
MilkMilks ♥
Milkshake de Palavras

Eduarda Rozemberg disse... [Responder comentário]

Gostei da proposta reflexiva do livro, como você comentou no final, me sinto muito atraída por livros que me fazem pensar e as perguntas que este traz são muito importantes. Espero não me decepcionar com ele.

Um abraço!
Parágrafos & Travessões

Thiana Santana disse... [Responder comentário]

Olá,
Não conhecia a obra e as reflexões que ele deixou para você com certeza me parecem que se eu ler será uma coisa bem intensa. Já que cheguei na primeira fase do "Meu Deus o que realmente estou fazendo da minha vida?". Aquela vontade de querer ir para frente, mas situações adversas ao meu controle não permitem.
Dica anotada, só não me inscrevo para o booktour, pq no momento estou bem enrolada.

Bjs,
Garotas de Papel

Anelise Besson disse... [Responder comentário]

Oi!

Não conhecia o livro e adorei a dica. Fiquei bem curiosa, porque tenho lido bastante livros nessa vibe de conselhos. A premissa é bem interessante. Eu espero ler e gostar. Haha. Anotei a dica.

bjs =)

Janiele Silva disse... [Responder comentário]

Olá, esse me parece um livro que eu irei gostar, gosto de livros que me fazem pensar, refletir e encontrar meu lugar no mundo, uma razão para existir, e pelo visto este é livro rsrs, espero poder ler em breve.

Bjs

www.leituraentreamigas.com.br

Memórias da Cat disse... [Responder comentário]

Olá eu sempre gosto de suas resenhas curtinhas, mas talvez por ser um livro que eu nunca tinha ouvido falar e que eu gostaria de conhecer mais senti falta de mais elementos, talvez só tenha aguçado minha curiosidade para que eu leia, quem sabe? Beijos

Carolina Ramires disse... [Responder comentário]

Olá!
Eu não conhecia essa obra ainda, mas infelizmente a premissa não me chamou a atenção. Mas achei interessante que o livro fez você pensar mais sobre as suas escolhas na vida, uma obra é sempre boa quando nos leva a uma reflexão.
Beijos.

Manuh disse... [Responder comentário]

Oi
Adoro livros assim que sempre dão choque sobre a nossa vida, nunca ouvi falar do livro e nem do autor, mas parabéns pela parceria, sempre é bom ter o nosso trabalho reconhecido. Gostei do livro e espero ler em breve.
Beijos

Ju disse... [Responder comentário]

Achei interessante isso que você disse que a resolução de nossos problemas depende de como enxergamos a realidade ao redor. É aquilo, não podemos mudar as pessoas, podemos apenas mudar nossas atitudes frente às atitudes delas. Mas mesmo o livro proporcionando uma bela reflexão, não me interessei pela leitura, não vi nada na história que realmente tenha chamado minha atenção.

Blog São Tantas Coisas disse... [Responder comentário]

Olá, tudo bem?
Gostei das mensagens trazidas no interior do livro, e que o enredo faz com que o leitor pense sobre o que está fazendo de sua vida. Esse choque de realidade que algumas obras conseguem dar é incrível, é como o autor tivesse escrito este livro para a gente.

Amanda Colares disse... [Responder comentário]

Olá!
Não conhecia o livro ou o autor, mas ele parece ter ideias interessantes.
Senti falta de um pouco mais de detalhes para me deixarem mais curiosa, mas histórias com personagens depressivos sempre rendem uma ótima leitura!
Parabéns pela parceria!
Um beijo!

www.asmeninasqueleemlivros.com

Amanda Mello disse... [Responder comentário]

Não conhecia o livro e nem o autor e admito que gostaria de saber mais informações em relação a história, pois parece causar boas reflexões durante a leitura.
Vou deixar meu email pois tenho interesse: amandamello1897@hotmail.com

Beijos e até logo! ;)

Barbara M. Cabalero disse... [Responder comentário]

Oi.
Não conhecia o livro. O último livro que me deu um tranco e me fez repensar o que eu estava fazendo com a minha vida foi como eu era antes de você. Fiquei com vontade de vender tudo o que tenho, pegar uma mochila e sair viajando.
Demorei para me recuperar e não sei se aguento outro tranco desses tão cedo.
Mas gostei da proposta desse livro, principalmente por ser nacional, e vou anotar para leitura futura.

Larissa - Srta. Bookaholic disse... [Responder comentário]

Oi, tudo bem?
Eu já vi esse livro por ai, mas ainda não sabia nada sobre a história e achei interessante a premissa, deve ser bacana acompanhar esse relacionamento entre pai e filho. Enfim, imagino que seja uma história que faz o leitor refletir e eu gosto de leituras assim.

Beijos :*

Michele Lopez disse... [Responder comentário]

Olá,
Desconhecia a obra e fiquei intrigada após ler suas resenhas e conferir seus comentários e questionamentos.
Achei a premissa interessante e realmente temos que saber aproveitar nosso tempo, além de refletirmos sobre as possibilidades que temos para a resolução de nossos problemas.

LEITURA DESCONTROLADA

Priscila Alexandre disse... [Responder comentário]

Não conhecia o livro nem o escritor, mas a capa não é do estilo que me atrai, apesar de ser bonita.

Não foi um livro que me instigou pela sinopse, e suas impressões apesar de positivas, também não me convenceram a ler o livro. Não sei se o leria... Talvez se tivesse que lê-lo, poderia me surpreender, mas por enquanto deixo passar.

Abraços!
www.asmeninasqueleemlivros.com

Michelle Ladislau - As Leituras da Mila disse... [Responder comentário]

Oie
Tudo bom?
Nossa o que será que tem por trás do pai dele que muda esse relacionamento do nada?
Fiquei aqui instigada a conhecer a história.
Beijos

Camila Coelho disse... [Responder comentário]

Oi, tudo bem?
Fiquei curiosa para saber mais a respeito desse relaciona conturbado com o lai e o que faz as coisas mudarem mas confessou que senti falta de mais detalhes sobre a trama. Achei sua resenha bem curtinha.
Bjs